Viúva argentina dorme com esposo falecido dentro de mausoléu para lhe fazer companhia


Algumas pessoas têm maneiras estranhas de honrar seus entes queridos após fazerem “a passagem”.
Adriana Villarreal, viúva de um argentino, dorme em um pequeno mausoléu com seu esposo falecido. A senhora possui 43 anos e vive em Buenos Aires.
Recentemente a história ganhou as manchetes dos principais veículos de comunicação da Argentina depois de sua confissão de que passa algumas noites do ano com meu marido.


De acordo com Gustavo Bragança, comissário de polícia da cidade de Dos de Mayo, seus colegas foram investigar o que estava acontecendo no cemitério de San Lazaro, depois de relatos de pessoas que viram alguém escutando música alta dentro do mausoléu. Quando a polícia bateu na porta, encontrou a senhora Villarreal de pijama do lado do corpo embalsamado.
Seu marido cometeu suicídio há 2 anos, enquanto ela estava trabalhando no México. As razões para sua atitude ainda não foram esclarecidas, mas Adriana diz que ele era um bom homem e o amava muito.
A mulher afirmou aos policiais que permanece do lado de seu esposo apenas algumas noites durante o ano. “Quando você ama alguém, você faz todos os tipos de coisas”, declarou Adriana à imprensa local.
  Após alguns dias e novas denúncias, a polícia descobriu que a senhora havia renovado o mausoléu por dentro, colocando uma cama, rádio, computador com internet e um pequeno fogão.