O que fazer se o seu cartão não passar na maquininha na saída de uma boate


Final de semana tive um problema com uma boate -que não vou citar o nome- da minha cidade e creio que não fui o primeiro e nem serei o último a passar por isso, já que o nível do serviço prestado pelo preço que nós pagamos nem sempre é bom.

Ao final da festa fui pagar minha comanda com cartão e a maquininha deles estava fora do ar, esperei por volta de 15 min e tentei de novo...
 Ainda fora do ar chamei o gerente que pediu para o segurança me manter alí até que eu pagasse sendo que a máquina deles é que estava sem comunicação com o meu banco.

Dinheiro eu tinha para pagar, estava no meu cartão que na entrada na boate tinha uma placa dizendo que aceitava. O que eles estavam fazendo comigo se chama cárcere privado, que dependendo do tempo poderia evoluir para um sequestro.

Meus amigos e a namorada fizeram uma vaquinha para pagar minha comanda, pois já estávamos muito cansados e só queríamos ir para casa descansar. Esse foi o nosso erro, pois aceitamos as condições e humilhações que eles nos deram. Como nós aceitamos dificilmente ganharíamos um processo quanto essa empresa.

Se um dia vocês passaram por essa mesma situação que a minha... Chamem a polícia! Cárcere privado é crime e não devemos deixar a empresa nos submeter a essa humilhação. Disque 190 e denuncie esses bandidos.

Se caso a polícia chegar e a máquina voltar a funcionar antes, não tenha medo! Essas boates tem câmeras de segurança que poderão e irão ser usadas no processo. Exija a filmagem como prova! É um direito seu e é um dever da empresa empresa tratar seus clientes com respeito.

Lembre-se: Nunca xingue ou queira partir para a agressão.